Como pintar o cabelo com papel crepom

O uso do papel crepom para pintar o cabelo em casa é algo muito comum para os adolescentes que adoram a possibilidade de colorir os fios temporariamente, principalmente em datas como carnaval e dias das bruxas, entretanto, não é um procedimento indicado pelos profissionais já que a técnica caseira resseca os fios. O procedimento, simples e rápido de fazer, permite pintar os fios de qualquer cor, sem as substâncias que afetam a química dos cabelos, comum nas colorações permanentes.  Aprenda passo a passo como pintar os fios com o crepom:

Uma dica: Use roupas velhas, pois a água pode escorrer pelo corpo, manchando o tecido.

  1. Compre um rolo de papel crepom da cor desejada. Para cabelos mais escuros são indicadas cores como roxo, azul, verde e vermelho e para cabelos claros qualquer cor fixa bem nos fios. O papel crepom é encontrado em qualquer papelaria de materiais escolares.
  1. Coloque um litro de água para ferver e quando a mesma estiver borbulhando corte pedaços do papel crepom e coloque na água quente, espremendo o papel com a ajuda de uma colher ou palito de picolé para que o crepom solte o máximo de tinta possível e o seu cabelo fique com uma tonalidade forte. Em seguida, desligue o fogo.
  1. Espere a água esfriar um pouco para não estragar os cabelos ou queimar ao coro cabeludo e tire o papel crepom. Mergulhe os cabelos na água morna e espere por alguns minutos, repetindo a operação quantas vezes achar necessário, pois a absorção da tinta depende muito da cor escolhida e também da tonalidade dos fios. Lembre-se que a água precisa estar morna para que a tinta seja absorvida. Para quem tem cabelos curtos é necessário despejar a água em um recipiente mais raso. Seque os cabelos com o secador ou naturalmente.

Para quem tem cabelos compridos

Se você tem cabelo comprido e só quer pintar as pontas, simplesmente faça um rabo-de-cavalo e mergulhe as pontas no copo. Não precisa mexer, esfregar, saracotear. Deixe o cabelo ali quieto por 10 segundos. Se quiser garantir, tire e coloque novamente mais 10 segundos. Espere a água escorrer. Acabou a pintura

Para quem tem cabelos curtos

Se você tem cabelos curtos, ou quer pintar todo o cabelo desde as raízes, vai precisar de um prato. Pegue um prato fundo, de vidro (fácil de lavar, lembra?) e despeje a tinta nele.
Agora vem a parte patética e arriscada do procedimento. Assegure-se que não há ninguém olhando e que você não está fazendo isso em cima do tapete importado caríssimo de sua mãe.
Você já viu um cachorro coçando as costas? Ele fica se arrastando no chão, contorcendo-se. Você vai fazer algo parecido.
Olhe atentamente para o prato à sua frente. Sua missão é encostar todos os fios de cabelo de sua cabeça naquela tinta e não derramar uma gota sequer no chão. Não é fácil, mas não é impossível. Respire fundo, concentre-se.
Ajoelhe-se no chão e abaixe a cabeça, tentando encostar o topo da cabeça no fundo do prato. Sinta a água molhando seu couro cabeludo e fique imóvel por cerca de 10 segundos. Levante a cabeça e espere a água escorrer. Esta parte de seu cabelo já está pronta. Agora é só repetir o procedimento para todo o resto.
Deitando de lado fica mais fácil de pintar as laterais e deitando de barriga para cima é possível pintar a parte de trás, porém a aproximação com o prato é feita às cegas. Liberte o ninja que existe aí.

Com a prática vai ficando mais fácil, podendo fazer tudo em menos de cinco minutos e sem sujeira.

É rápido, fácil e extremamente barato. Já a permanência da tinta do papel crepom nos fios é curta já que após algumas lavagens o efeito colorido desbota.

Comments

comments