Como cuidar de um chinchila

A sua casa deve ser própria para a criação do pequeno roedor, pois ele não convive bem com o calor e precisa que haja um espaço para que caminhe e passeie fora da gaiola sem correr riscos de se perder. Saiba que ele tem hábitos noturnos, podendo surpreender o dono no meio da noite com o barulho dos seus exercícios.

Dentre as vantagens de ter uma chinchila está o fato deles não precisarem ser vacinados, sua alimentação é balanceada , além de que eles não precisam de banho com água e não costumam apresentar pulgas ou carrapatos.

Cuidados:

Coloque sempre um pedaço de madeira na sua gaiola, que deve ser pendurada em lugares frescos e arejados. A madeira vai ajudar o roedor a controlar o tamanho dos seus dentes. Quanto a alimentação deve ser feita com produtos próprios para esta espécie e somente na quantidade adequada, pois a superalimentação pode causar obesidade nestes mamíferos.

Alguns cereais e frutas são importantes para regular o intestino das chinchilas, como: a uva-passa e a alfafa. A água deve estar fresca e ser trocada todos os dias e de preferência filtrada. O chão da gaiola pode ser forrado com granulado orgânico, a maravalha ou a areia higiênica adequada a roedores.

A gaiola da Chinchila deve ser limpa no mínimo uma vez por semana. Tire a forragem e lave com água e sabão de côco a bandeja, os brinquedos e acessórios, inclusive o comedouro e bebedouro. Caso haja muita sujeira você poderá incrementar a água sanitária na higienização, mas ela deverá estar bastante diluída para não prejudicar o animal. Evite utilizar produtos químicos ou aqueles que possuam perfume, pois no mercado existem alguns produtos próprios e não tóxicos para pequenos animais, dê preferência a estes.

Não esqueça de levá-la anualmente ao veterinário para que este avalie a saúde do seu animal de estimação, que apesar de muito resistente também pode apresentar alguns inconvenientes.

As chinchilas são animais muito resistentes e podem viver por até vinte anos, se bem cuidadas.

 

 

Comments

comments